Último suspeito de chacina em boate é preso no Balneário Pinhal

Cerca de nove meses depois do crime brutal ocorrido em Mostardas em agosto de 2019, o último suspeito foi preso preventivamente
nesta terça-feira (5) no litoral. Apontado como um dos matadores, um homem, de 34 anos, foi preso em Pinhal nesta manhã pela Polícia Civil.

Na época, cinco pessoas morreram, e 4 sobreviveram. Na ação, em uma boate situada na estrada de acesso ao Farol da Solidão, em Mostardas, os criminosos invadiram e começaram a disparar contra as vítimas. Os criminosos usaram armas de vários calibres, como 9, 12 e 40 milímetros.
Dez policiais da Delegacia de Capturas (Decap), do Departamento Estadual de Investigações Criminais (DEIC), cercaram a casa e localizaram o homem. A ação teve coordenação do delegado Arthur Raldi.
No local, foi localizada e apreendida uma espingarda calibre 12, e munições, motivo pelo qual o alvo também
será autuado em agrante por porte ilegal de arma de fogo.
O preso foi conduzido ao Deic, de onde seguirá diretamente ao sistema penitenciário.

 

Informações do Jornal NH

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *