Sábado é dia de teatro em Imbé

O melhor espetáculo do Festival Internacional de Teatro de Rosário do Sul, também indicado para o Melhor no Festival dos Festivais, em Porto Alegre, “Greta Garbo, quem diria, acabou no Irajá”, de Fernando Melo, estará em Imbé neste sábado (03), às 21h, na Câmara de Vereadores. A peça, que já passou pelo balneário Mariluz no final de semana passado, chegou ao município com promoção da Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Turismo, Desporto, Indústria e Comércio. O ingresso é gratuito e a peça tem indicação para maiores de 16 anos.

O texto de Fernando Melo aborda a questão da solidão e das dificuldades que enfrenta um jovem ingênuo vindo do interior, na metrópole carioca nos tempos da ditadura militar que governava o País. Em três atos, o espetáculo conta a história do envolvimento entre Pedro (Antonio Lima), um enfermeiro homossexual de meia idade, e Renato (Gabriel Dieter), um jovem recém-chegado do interior do Estado.

Numa noite chuvosa, voltando de uma festa, Pedro encontra Renato, jovem sonhador que sonha em ser médico, e o leva para casa. Renato passa a ser sustentado por Pedro, num relacionamento denso e cheio de conflitos. O combustível dessa ação é a ironia de Pedro que, diante da aparente inocência de Renato, vai envolvendo-se, afetivamente, com o enfermeiro, seu amigo e protetor.

O clima de tensão começa a surgir quando Renato passa a frequentar a cena boêmia das noites cariocas, envolvendo-se com uma prostituta chamada Mary (Margarete Scherer), que se torna rival de Pedro. Este conflito irá culminar em divertidas e hilárias situações cênicas, possibilitando ao público o prazer de uma tragicomédia sofisticadamente artística. Além de promover o entretenimento, a peça faz refletir sobre a condição humana, a solidão numa cidade grande e os riscos da prostituição e do mundo das drogas.

PRÊMIOS – O grupo foi o vencedor do Festival Internacional de Teatro, em Rosário do Sul, em outubro do ano passado, conquistando o prêmio de Melhor Espetáculo, pelo júri técnico, além dos prêmios de Melhor Ator (Antonio Lima), Melhor Atriz (Margarete Scherer) e Melhor Ator Coadjuvante (Gabriel Dieter). E também foi indicado para os prêmios de Melhor Iluminação e Cenário, com Cristian Metz, e Melhor Direção, para Margarete Scherer.

Já no Festival dos Festivais, em dezembro do ano passado, Antonio Lima ganhou o prêmio de Melhor Ator e a peça foi indicada para o prêmio de Melhor espetáculo adulto. Também recebeu o prêmio de Melhor Cenário para Cristian Metz.

A direção é de Margarete Scherer, com montagem da Luminarte Produções Artísticas, de Novo Hamburgo. A peça já foi encenada em cidades como Porto Alegre, Dois Irmãos, Novo Hamburgo e Rosário do Sul.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *