Instituto de Perícias/RS vai participar do processo de identificação do corpo encontrado no litoral de São Paulo que pode ser do surfista Gustavo

o IGP vai participar do processo de identificação do corpo encontrado no litoral de São Paulo. A suspeita é de que seja do surfista gaúcho Gustavo de Oliveira, que desapareceu em Imbé em junho.

Familiares do rapaz já forneceram o material genético para comparação. A amostra será analisada pela Divisão de Genética Forense do IGP/RS. Os resultados serão enviados para o Banco Nacional de Perfis Genéticos. Da mesma forma, a análise do corpo encontrado será feita pelo Instituto de Criminalística de São Paulo.

A comparação das duas amostras possibilita a identificação. Caso esta não se confirme, os dados ficarão no Banco de Perfis Genéticos para comparação com amostras recolhidas de outros cadáveres não identificados e de familiares que buscam pessoas desaparecidas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *