Gabriel Souza assume comando do Parlamento gaúcho

A partir desta quarta-feira, 3 de fevereiro de 2021, o Parlamento gaúcho passará a ser comandado pelo MDB. Gabriel Souza será o novo presidente da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul. Aos 37 anos, deputado estadual pelo segundo mandato, ele já pode ser considerado veterano na política, pois iniciou a militância ainda muito cedo, aos 15 anos, em Tramandaí, sua cidade natal.

No MDB, partido ao qual sempre foi filiado, cumpriu funções importantes como dirigente. Começou como presidente da Juventude em sua cidade, depois liderou a JMDB Estadual e na sequência a Nacional. Também foi secretário-adjunto do Diretório Estadual na gestão de Pedro Simon e, atualmente, é secretário-geral na direção que tem o deputado federal Alceu Moreira como presidente. Gabriel ainda é primeiro-secretário do MDB Nacional e membro do Conselho Curador da Fundação Ulysses Guimarães.

Na trajetória eleitoral estreou em 2010, quando concorreu pela primeira vez a uma cadeira na Assembleia Legislativa. Naquele ano conquistou 26.895 votos e, como suplente, chegou a assumir o mandato por alguns meses. Nesta época começou a pavimentar mais ofensivamente os novos desafios. E, em 2014, já formado médico veterinário, se elegeu para o primeiro mandato de deputado estadual com 39.998 votos.

Logo após a posse, foi surpreendido por um convite muito especial: assumir a missão de secretário de Estado do governador José Ivo Sartori. Apesar de honrado pelo convite, acabou abrindo mão deste importante espaço político por entender que precisava desempenhar o cargo para o qual foi eleito. Ainda no primeiro ano, presidiu a Comissão de Constituição e Justiça da Casa.

Meses mais tarde foi reconhecido pelos seus colegas de bancada e de Casa por sua liderança natural. Recebeu, inclusive, certificação do colega Ibsen Pinheiro, seu companheiro de partido. O desempenho no Parlamento lhe alçou ao papel de líder do Governo Sartori, missão que desempenhou com maestria, tendo o papel de conciliador e mantendo diálogo respeitoso com a oposição, o que resultou na aprovação de importantes projetos para o Estado.

Com bandeiras de atuação voltadas à educação, tecnologia, inovação e causa animal, em 2018 Gabriel foi reeleito com 52.953 votos para o seu segundo mandato na Assembleia, o mais votado da Bancada do MDB. Agora, assume mais um importante e valioso desafio.

Cerimônia de posse

A Assembleia Legislativa gaúcha realiza na próxima quarta-feira, 3 de fevereiro, às 10h, no Plenário 20 de Setembro, a sessão solene de eleição e posse da Mesa Diretora para o ano legislativo 2021-2022. A cerimônia, que terá formato híbrido, respeitará os limites de ocupação e as regras de distanciamento estabelecidos nas normas de proteção e de prevenção à Covid-19.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *