Cidadão armado com pistola ameaça pescadores em Imbé

Um cidadão armado ameaçou atirar em pescadores que trabalhavam na área portuária em Imbé no final da tarde desta quarta-feira,20. O fato aconteceu quando este cidadão que estava próximo da área onde ficam dois barcos pesqueiros, se viu prejudicado na sua pescaria devido a seus petrechos terem entrado em contato com chumbadas. Neste momento ele iniciou uma discussão com os trabalhadores que se encontravam no local e disse a eles para desobstruírem a área, pois as chumbadas e outros petrechos supostamente estariam atrapalhando a pescaria. Logo a seguir o homem sacou da cintura de sua bermuda uma pistola e ameaçou atirar contra os pescadores.

Os pescadores disseram que não tinham culpa no acontecido. Não convencido o cidadão reforçou a ameaça  de pistola em punh . Quando os pescadores chamaram a Brigada Militar, o homem rapidamente fugiu do local, entrou em uma camionete e não foi mais visto.

Toda a ação foi filmada por um dos pescadores que encaminhou o material à Polícia Civil de Imbé que já busca outras imagens para tentar identificar o homem.

JPNEWS IMBÉ

5 comentários em “Cidadão armado com pistola ameaça pescadores em Imbé

  • 23 de novembro de 2019 em 08:50
    Permalink

    Cidadão? Este elemento é perigoso, cidadãos eram os outros. O título da reportagem deveria ser “Elemento perigoso armado ameaça atirar em pescadores”.

    Resposta
  • 23 de novembro de 2019 em 18:52
    Permalink

    Vai terminar em pizza, pois deve ser algum “ex-policial” ou não, folgando em cima dos pescadores!

    Resposta
  • 24 de novembro de 2019 em 13:40
    Permalink

    Não vi nenhum cidadão. Cono o porte de armas é ilegal no país, e ameaça de morte também, o que temos é apenas um bandido fazendo bandidagem

    Resposta
  • 24 de novembro de 2019 em 13:43
    Permalink

    Não vi nenhum cidadão. Como o porte de armas é ilegal no país, e ameaça de morte também, o que temos é apenas um bandido fazendo bandidagem. Não são apenas infrações mas crimes

    Resposta
  • 25 de novembro de 2019 em 11:30
    Permalink

    Mais um “cidadão de bem”. Pregam o ódio na população… Resultados estão aí.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *