Aldeia Guarani do Litoral Norte receberá implantação de saneamento ecológico de efluentes

Será dia 27 de setembro a terceira oficina de implementação de sistema ecológico de tratamento de efluentes domésticos nas aldeias Mbyá Guarani do Litoral Norte gaúcho. A tekoá (escola) da Aldeia Pindoty, do município de Riozinho/RS, receberá a próxima implantação do Projeto Taramandahy – Fase III, o qual é realizado pela Anama, com apoio do Comitê Tramandaí e patrocínio da Petrobras, por meio do Programa Petrobras Socioambiental e Governo Federal.

Já foram construídos sistemas ecológicos de tratamento de esgoto em duas tekó (aldeia) Guarani pelo Projeto. A primeira a receber foi a aldeia Kuaray Rexë (Sol Nascente), em Osório/RS. A aldeia Ka’aguy Porã (Mato Sagrado), localizada em Maquiné/RS, recebeu a segunda implantação, juntamente com a construção de um banheiro, que não havia.

O saneamento básico das aldeias é uma demanda muito importante, pois em muitas comunidades guarani, o tratamento de efluentes é inexistente, ou precário, causando sérios prejuízos à saúde das pessoas e ao meio ambiente. A ação de ‘implementar sistemas de proteção de água e saneamento em aldeias Guaranis’ integra o conjunto de 175 ações do PAN Lagoas do Sul (Plano de Ação Nacional para os Sistemas Lacustres e Lagunares do Sul do Brasil), além de caminhar junto aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável: ODS#6 – Água Potável e Saneamento, desenvolvidos pela Organização das Nações Unidas (ONU) para a Agenda 2030 (www.agenda2030.com.br).

Mais informações com Gabriel Poester pelo WhatsApp (51) 9 9333-3503.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *